DICAS DE SEGURANÇA

Andando na Rua

Tenha especial atenção ás pessoas a sua volta. Lembre-se: os assaltantes valem-se principalmente do fator surpresa e da desatenção para atacarem suas vítimas. Aparente sempre calma, confiança e domínio do que está fazendo e de onde quer chegar. Evite demonstrar que esta perdido ou procurando por algum endereço ou local. Não peça orientações a estranhos. Procure viaturas da polícia militar ou da guarda civil e estabelecimentos comerciais. Não ande sozinho, especialmente à noite.

Após o trabalho, escola ou festa espere pela companhia de um amigo para saírem juntos. Evite passar por locais desertos e ou pouco iluminados. Evite cortar caminho por becos, vielas, ruas desconhecidas, terrenos, construções, etc. Não pare para atender pedidos que lhe despertem desconfiança. Evite locais com aglomerações de pessoas, pois estes locais facilitam a ação de "Batedores de carteira" e oportunistas. Mantenha todos seus objetos pessoais, como carteiras, pochetes, celulares, sacolas e bolsas, á frente de seu corpo.

Bolsas devem ser discretas e transportadas a frente de seu corpo com sua mão sobre seu fecho. Desconfie de esbarrões, empurrões ou cotoveladas. Não use local isolado para encontros amorosos, pois este é um comportamento de risco. Desconfie de estranhos com conversa envolvente que tentem aproximação. Não aceite convites de pessoas que tenha acabado de conhecer: na rua, em bares ou casas de diversão noturna, etc. Evite utilizar jóias (correntinhas, relógios, medalhas, braceletes, etc) e roupas que chamem a atenção ou demonstrem serem de valor.

Não carregue objetos de valor, grandes quantias em dinheiro ou cartões de crédito se não houver necessidade. Caso necessário, procure guarda-lo de modo seguro e discreto e siga diretamente para seu destino. Evite retirar sua carteira em público. Evite manusear ou efetuar pagamentos com notas altas. Separe previamente o dinheiro necessário para pequenas despesas, como café, cigarro, condução, etc. Conheça o local onde você mora e trabalha. Certifique-se da localização de unidades da polícia, bombeiro, hospitais, telefones públicos, lojas 24horas, etc. Caso você seja vítima de roubo fique calmo, não faça movimentos bruscos. Evite gritar ou discutir - seu nervosismo poderá aumentar a tensão e provocar uma atitude mais agressiva em seu desfavor.

Procure variar seus horários e fazer rotas diferentes para deslocar-se de casa ao trabalho ou escola. Não use bolsos traseiros para carregar carteira ou dinheiro. Computadores portáteis (notebooks, handhelds) devem ser transportados discretamente. Evite as tópicas maletas para notebooks e esteja sempre atento. Seguro deste tipo de equipamento pode ser uma boa alternativa. Se você notar que está sendo seguido, aja com naturalidade, entre em qualquer lugar público e ligue para a Guarda Civil(tel. 153) ou Polícia Militar (tel. 190). Não deixe de comunicar a presença de elementos suspeitos nas proximidades de sua casa. Ao retornar, notando algum sinal estranho (porta aberta, luzes acesas, etc.), não entre em casa, chame a polícia. Se você beber, faça-o moderadamente, para não perder os reflexos e a vigilância.